As 5 lições de vida que você aprende enquanto treina Jiu Jitsu

Se você nunca treinou Jiu-Jitsu antes, provavelmente deve está se perguntando sobre quais são essas lições. Participar de uma academia de Jiu-Jitsu pode ser a última coisa em sua mente, mas você sabia que o Jiu-Jitsu oferece uma infinidade de benefícios que podem impactar sua vida diária? Assim como todas as artes marciais, à Arte Suave oferece muitos ensinamentos e lições que os alunos aprendem durante os treinos. Muitas das lições podem ser aplicadas à vida cotidiana.

Rolando nos tatames, sofrendo derrotas várias vezes em todos os treinos, você se abre para um novo mundo de aprendizado. O BJJ permite que você descubra sua capacidade física e mental e te ensina como superar as adversidades. Ele desenvolve suas habilidades de resolução de problemas, ajudando a identificar obstáculos e como superá-los.

O Jiu-Jitsu possui muitos princípios que podem ser adaptados às situações da vida real, muitos dos quais ajudarão você a superar os muitos obstáculos da vida. Aqui estão algumas das maiores lições que o BJJ ensina todos os dias nos treinos.

Compartilhamos aqui neste artigo cinco lições de vida que você aprende enquanto treina Jiu-Jitsu.

1) Tamanho não importa

Um dos princípios mais importantes do Jiu-Jitsu é que o tamanho não importa. De fato, Jiu-Jitsu ensina que mesmo a menor pessoa da academia pode prosperar nos tatames. Com base em sua técnica e habilidade, eles podem até derrotar oponentes maiores. O Jiu-Jitsu foi desenvolvido para permitir que indivíduos menores e mais franzinos superem inimigos maiores e mais fortes.

Isso nos ensina muitas lições, uma das quais é não subestimar ninguém. Pessoas que você pode considerar fracas podem se tornar mais fortes do que você imagina. Por outro lado, você nunca deve subestimar suas próprias habilidades, mesmo se enfrentar uma montanha de adversidades. Atenha-se ao que sabe, confie no que pode fazer e concentre-se na execução.

O que você considera uma desvantagem pode ser apenas uma desculpa. Contanto que você se esforce, tome as decisões corretas e execute, o tamanho não importa tanto quanto você pensa.

2) A idade não importa

Jiu-Jitsu é para pessoas de todas as idades e níveis de habilidade. Você progride no seu próprio ritmo de treinamento e leva tempo que for necessário à aprender as técnicas e dominá-las. De fato, a maioria dos alunos começam muito jovens, porém os mais velhos são mais focados em aprender a executar às posições com maior foco e paciência.

A arte de suave nos ensina como usar a alavancagem para obter uma vantagem sobre nossos oponentes, e que podemos superar as limitações físicas provocadas pela idade ou por outros fatores. O que isso nos ensina sobre a vida é que não podemos nos limitar ao que percebemos como nossas desvantagens. O Jiu Jitsu nos mostra nossos pontos fortes e nos treina a pensar de maneira lógica e estratégica.

Todo mundo é o mesmo dentro do tatame. Todos enfrentamos os mesmos problemas e cabe a nós encontrar nossas próprias soluções.

3) A técnica é melhor do que força bruta

Outro princípio importante ensinado pela prática de Jiu-Jitsu é que a técnica sempre supera a força e a ignorância. De fato, a técnica é sua melhor força. Depois de dominar a técnica, a força inerente. No Jiu-Jitsu, o homem menor pode derrotar o homem maior usando raspagens e técnicas adequadas.

Além disso, o treinamento de Jiu-Jitsu coloca você constantemente em situações em que você precisa resolver problemas. Evitar passagem de guarda, fazer a transição entre posições – essas situações oferecem várias oportunidades para aprimorar suas habilidades de resolução de problemas.

Esses princípios têm uma infinidade de aplicações em nossas vidas diárias, em qualquer tarefa que enfrentamos.

Em vez de entrar em algo de forma imprudente e sem reflexão cuidadosa, devemos sempre pensar e criar estratégias. O planejamento é importante, tanto quanto a execução. Esteja você tomando decisões críticas da vida ou enfrentando situações difíceis, é preciso pensar bem antes de agir.

4) Você pode superar adversidades

Converse com todos que já praticaram Jiu-Jitsu e eles lhe dirão que, em algum momento, todos enfrentaram imensas adversidades ao longo de suas jornadas. Lutar nos tatames é comum, e é algo que você definitivamente experimentará inúmeras vezes, até que chegue o momento de melhorar. O  Jiu-Jits ensina como lidar com qualquer adversidade e como fortalecer sua mente para superar qualquer situação.

Em sua vida, inevitavelmente haverá momentos de frustração e fracasso. Você falhará inúmeras vezes. O Jiu-Jitsu enfatiza o aprendizado por meio da experiência e que você nunca falhará verdadeiramente se tiver aprendido as lições que cada experiência oferece. Cada momento é uma oportunidade de aprender algo novo sobre você, sua arte, e tudo isso funciona no sentido de desenvolver sua capacidade de combater as adversidades.

Eventualmente, você encontrará força para superar qualquer obstáculo para alcançar seus objetivos. Esse tipo de persistência o ajudará a enfrentar os obstáculos que você encontra em sua vida.

5) Dentro do tatame, todos somos iguais

Por último, mas certamente não menos importante, o  Jiu-Jitsu nos ensina que, tanto quanto queremos, simplesmente não podemos conseguir grandes coisas sozinhos. O Jiu-Jitsu depende principalmente do trabalho em equipe. As inúmeras horas gastas rolando nos tatames, praticando técnicas, brigando com colegas de equipe, falhando e aprendendo juntas, tudo isso ajuda você a se desenvolver como atleta. Da mesma maneira que passamos a vida com as pessoas que amamos, as pessoas que nos apóiam e nos ajudam nos momentos difíceis, simplesmente não podemos fazê-lo sozinhos.

O BJJ nos ensina que somos todos iguais, se trabalharmos juntos, podemos conseguir muitas coisas excelentes. Portanto, se você está procurando uma maneira de crescer mental e fisicamente, o Jiu-Jitsu é a sua resposta, Oss!

 

Sobre o autor: Lucas Oliveira
A arte suave pra mim é como poesia, alivia a alma, irradia como a luz do dia, renova as forças e faz do chão o começo de uma VITÓRIA!
%d blogueiros gostam disto: